Passaria na Rádio PAMF » Rádio Escolar

Estando a nossa escola fechada, à semelhança de todas as outras do país, as emissões da Rádio Escolar estão suspensas. De qualquer forma, deixamos aqui alguns dos conteúdos que passariam esta semana 마인크래프트 최신 버전. Na verdade, nestes dias, iríamos dar destaque à Comemoração do Dia do Holocausto, pelo que a seleção que agora aqui apresentamos decorre exatamente dessa celebração 대탈출2 3화 다운로드.

–  Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto celebra-se anualmente a 27 janeiro 댄서의 순정 다운로드.

Este é um dia de lembrança em nome dos milhões de vítimas provocadas pelo genocídio da Alemanha nazi sobre os judeus, ciganos, homossexuais, deficientes físicos e mentais, opositores do regime nazi, entre muitos outros, ocorrido durante a II Guerra Mundial 채널왕 다운로드.

A data de 27 de janeiro foi escolhida para a celebração deste dia por ter sido nesse dia em 1945 que teve lugar a libertação do principal campo de concentração nazi, Auschwitz, localizado na Polónia, pelas tropas da União Soviética 테라 리아 다운로드.

O Dia Mundial da Memória do Holocausto foi criado por ação da Assembleia Geral das Nações Unidas, pela Resolução 60/7, de 1 de dezembro de 2005.

Em Portugal, como em vários países do mundo este dia é celebrado com o objetivo de fazer com que o horror nazi não caia no esquecimento e não se repita.

Literatura:  Sugestão de leitura

Maus (“rato”, em alemão) é a história de Vladek Spiegelman, judeu polaco sobrevivente de Auschwitz, narrada por si próprio ao filho, o cartoonista Art Spiegelman. O livro é considerado um clássico contemporâneo da BD e ganhou o prestigioso Prémio Pulitzer de literatura.


A obra tem sido um sucesso e objeto de estudos e análises de especialistas de diversas áreas – história, literatura, artes e psicologia. Nas tiras, os judeus são desenhados como ratos e os nazis ganham feições de gatos; os polacos não-judeus são porcos e os americanos, cães. É um relato perturbador da brutalidade do Holocausto.

Mas não se deixem enganar, pois de início parece que foi mal traduzido, mas é mesmo assim: no original, a personagem Vladek fala mal o inglês, pelo que a tradução mantém essa caraterística no português.

Música: Ainda a propósito do Dia Mundial do Holocausto, recordamos uma notícia do jornal Blitz, que nos lembra que em 1993, os Alice In Chains deram um concerto em Estocolmo, na Suécia, que ficou marcado por um incidente entre o então vocalista Layne Staley e um fã.

Ao ver um homem a fazer a saudação nazi e provocando altercações no mosh pit, no meio do público, Layne convidou-o a subir ao palco – apenas para o esmurrar e gritar “morram, nazis de m…” perante a reação efusiva da restante audiência.

O incidente, que ficou registado em vídeo, não impediu o concerto de continuar.

Cinema:

No dia 28, estreia As Lições de Persa, realizado  por Vadim Perelman, com Nahuel Pérez Biscayart, Lars Eidinger, Jonas Nay

Este drama  passa-se na França ocupada,  em 1942. Gilles (Nahuel Pérez Biscayart) é preso por soldados das SS, com outros judeus, e enviado para um campo de concentração na Alemanha. Consegue evitar a execução imediata jurando que não é judeu, mas persa. A mentira salva-o temporariamente, mas Gilles é encarregado de uma missão de vida ou morte: ensinar farsi a Klaus Koch (Lars Eidinger), o diretor do campo, que tem o sonho de abrir um restaurante no Irão quando a guerra acabar. Através de um truque engenhoso, Gilles consegue sobreviver ao inventar palavras em “farsi” todos os dias e ensinando-as a Koch. A relação especial entre os dois homens desperta a inveja dos outros prisioneiros e guardas das SS. E com as suspeitas de Koch a aumentarem a cada dia, Gilles compreende que não conseguirá guardar o seu segredo por muito tempo…